Igreja de São Sebastião já está em fase final do processo de restauro

Patrimônio silvaniense com quase duzentos anos, a igreja de São Sebastião recebeu intervenções em toda sua estrutura, recuperando traços originais da edificação histórica. Ao todo foram destinados mais de R$ 900 mil, através da Secretaria de Estado da Educação, Cultura e Esporte (SEDUCE) e a Prefeitura de Silvânia.

Segundo a empresa responsável as obras devem ser concluídas já na primeira quinzena de março deste ano. O templo ficou fechado por algum tempo, por conta de uma interdição da defesa civil, diante do risco eminente de desabamento e de degradação de sua estrutura, quando então o recurso para sua recuperação foi disponibilizado pelo Estado.

Entre os trabalhos realizados estão, a recuperação de todo o telhado, a substituição do piso e a recuperação de suas cores originais, feita através de pesquisas nas paredes e em seus altares. “É tão prazeroso entrar nesta igreja e vê-la tomando forma novamente, revelando detalhes que não conhecíamos. E também uma satisfação em poder participar da devolução deste patrimônio ao povo de Silvânia, temos que agradecer ao Governo de Goiás e ao governador Marconi por este benefício”, destaca o prefeito Zé Faleiro.

A igreja construída em estilo colonial foi tombada em 2004 como patrimônio do município, e em janeiro de 2012 tornou-se patrimônio cultural de Goiás. Suas paredes são feitas de adobe e todos os altares feitos em madeira, assim como detalhes do acabamento, semelhante à Igreja de Nosso Senhor do Bonfim, marco zero da cidade construída por volta de 1.800.

Assessoria de Comunicação

Compartilhar

Desenvolvido por